PAR Linha da Frente Grécia

Este programa de voluntariado encontra-se, de momento, suspenso. Teremos novidades em breve…

Perante a urgência da crise migratória verificada no verão de 2015, com entrada de mais de XXXX requerentes de asilo pelas ilhas gregas e por Itália, mais de 350 organizações portuguesas decidiram cooperar para dar resposta às necessidades dos refugiados dentro de portas (no âmbito dos Programas de Recolocação, na Europa e nos países mais afetados por esta crise humanitária mundial.

O que é?

É um programa de voluntariado de apoio a pessoas refugiadas que chegam a território grego. Funcionamos em articulação com organizações locais congéneres de organizações que integram a PAR, em Portugal.

Início e Duração

Programa com início a 14 de março de 2016 até novembro de 2018.

Objectivo

Apoiar e reforçar o acolhimento de pessoas refugiadas, que chegam e permanecem na Grécia, na ilha de Lesbos, e em território continental grego. Junto do trabalho desenvolvido por organizações não-governamentais presentes no terreno, através de voluntariado qualificado e sustentável.

Objectivos Específicos
  • Apoio na receção e no acolhimento e integração de pessoas refugiadas, através de um programa de voluntariado qualificado e sustentável, em colaboração com outras organizações internacionais e locais;
  • Serviço de voluntariado especializado, com foco na resposta de educação não formal e capacitação das pessoas refugiadas.
Alojamento. Alimentação. Transportes. Viagens.
  • A PAR disponibiliza, em Lesbos e Atenas, alojamento gratuito aos seus voluntários.
  • A PAR providencia uma viatura de apoio para as deslocações de serviço em Lesbos e transporte diferenciado em Atenas;
  • Os voluntários têm uma bolsa comunitária para refeição;
  • Os custos da viagem Portugal-Grécia-Portugal são assegurados por cada voluntário
Perfil dos Voluntários
  • Compromisso com os objetivos e missão da Plataforma de Apoio aos Refugiados;
  • Disponibilidade para trabalhar em zonas instáveis e contextos de urgência humanitária;
  • Motivação pelo trabalho humanitário, em especial pelo trabalho com refugiados;
  • Gosto para trabalhar numa equipa multicultural e multidisciplinar;
  • Capacidade e gosto de viver em comunidade;
  • Flexibilidade e capacidade de gestão de stress;
  • Mínimo de 2 a 3 meses de disponibilidade para trabalhar na Grécia (Atenas ou Lesbos);
  • Estudos concluídos nas áreas sociais (preferencial);
  • Maiores de 20 anos;
  • Experiência em voluntariado (preferencial);
  • Fluência em Inglês;
  • Fluência em árabe ou farsi (preferencial).

PAR Linha da Frente Líbano

O que foi feito?

A campanha PAR Linha da Frente Médio Oriente decorreu em território nacional entre 18 de outubro de 2015 e 18 de março de 2016.

Durante este período, com a solidariedade dos portugueses, foi possível angariar o montante de 230 694,69 € que foi entregue em partes iguais à Cáritas no Líbano, e ao Serviço Jesuíta para os Refugiados (JRS) a trabalhar também no terreno.

Com este montante, a Cáritas no Líbano conseguirá assegurar a distribuição de um voucher mensal de alimentação e produtos de higiene a 150 famílias (aproximadamente 750 pessoas), durante um período de 6 meses, e ainda, o acesso a cuidados de saúde primários a 120 pessoas, e a cuidados de saúde secundários, a 60 pessoas. Por sua vez, o JRS no Líbano irá conseguir distribuir uma refeição simples a 1720 crianças que frequentam a escola.

Esta campanha foi auditada pela EY Portugal

Donativos entre 1 € e 99 € 21.571,02 € 836 9,35%
Donativos entre 100 € e 999 € 56.133,81 € 256 24,33%
Donativos acima dos 1.000 € 98.067,26 € 31 42,51%
Donativos S18S 41.434,58 € 122 17,96%
Donativos Paypal 1.850,52 € 5 0,80%
Donativos MBWay 575,00 € 1 0,25%
Chamadas de Valor Acrescentado 11.062,50 € 2 4,80%
Total 230.694,69 € 1.142 100%
Classe de Donativos Valor Quantidade %